12 gírias brasileiras que você precisa conhecer

16
Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


Melhores atividades para vivenciar a cultura de Curitiba

“E aí, trutas! Firmeza? Suave na nave?” Com certeza você conhece essas expressões.

Nem mesmo os brasileiros são capazes de conhecer todas as gírias brasileiras. Afinal de contas, trata-se de uma gama muito extensa de expressões e termos regionais.

Além disso, o Brasil possui inúmeras culturas e é repleto de diversidade. Por isso, as variações linguísticas são muitas e, consequentemente, existe uma quantidade enorme de gírias, termos e expressões usados em todos os cantos.

Como não dá para falar de todas elas, selecionei 12 gírias mais usadas e conhecidas no Brasil.

1. Piá

“Piá” é uma gíria referida aos meninos. No Paraná, principalmente em Curitiba, até mesmo os mais velhos não escapam de serem chamados de “piá”.

Exemplo: “Fala, piá! Tudo tranquilo por aí?”

2. Bexiguento

Uma pessoa “bexiguenta” é alguém que não presta, que não vale nada. Dizem que a palavra vem de Sergipe, mas ela é usada em outros estados nordestinos também.

Exemplo: “Esse bexiguento não entra na minha casa.”

3. Bolado

Esta é uma das gírias brasileiras mais usadas pelos cariocas. Por ter vários significados, ela aparece em diversas frases. Pode ser usada como sinônimo de chateado, indignado, decepcionado, constrangido.

Exemplo: “Eu fiquei muito bolado com o que a minha amiga me disse ontem.”

4. Padoca

Se tem uma coisa que paulista gosta é tomar café da manhã (o famoso pingado com pão na chapa) na padaria ou “padoca”.

Exemplo: “Bora passar na padoca pra comprar uns pães?”

5. Trem

Os mineiros usam a palavra “trem” para se referir a absolutamente qualquer coisa. Em vez de dizer o nome de um objeto, eles apenas substituem por “trem”.

Exemplo: “Esse trem é bom demais, uai!” ou “Passa esse trem pra mim.”

6. Ficar na bruxa

Essa é uma expressão muito usada na Bahia quando alguém está com raiva, nervoso, irritado, agoniado.

Exemplo: “Não mexe comigo que hoje eu tô na bruxa.”

7. Armaria

Os piauienses, quando estão admirados ou com raiva de algum acontecimento, utilizam muito a expressão “armaria” que é a contratação de ave maria e que indica admiração, espanto, raiva.

Exemplo: “Armaria, mermã! Eu não acredito que aconteceu isso!”

8. Estrovar

A gíria “estrovar ” é a forma peculiar que o povo de Goiás tem para se referir ao ato de atrapalhar ou pertubar.

Exemplo: “Pare de me estrovar moleque chato.”

9. Baldear

Pará, terra do carimbó e do açaí, baldear significar o mesmo que vomitar.

Exemplo: “a menina comeu tanto que é capaz de baldear.”

10. Bah

A expressão “bah” é usada em praticamente todas as frases dos gaúchos sem um significado específico. Portanto, serve para enfatizar alguma reação ou sentimento, como tristeza, dúvida ou alegria. Curiosamente, é usada assim como o “uai” dos mineiros ou o “oxe” dos baianos.

Exemplo: “Bah, eu não acredito que tu veio hoje! Que felicidade!”

11. Vina

“Vina”, é uma expressão muito utilizada em Curitiba e quer dizer salsicha.

Exemplo: “Quero um cachorro quente com 2 vinas.”

12. Mó

“Mó” é uma gíria que significa muito. É utilizada normalmente para dar uma característica a algo ou alguém.

Exemplo: “ da hora esse carro em, tio!” ou “ da hora as ideias desse mano, em!”

 

 

terito logo

Acesse:

Escola de Lucifer
Círculo EDL
Unebrasil

Livro Lucifer

Unebrasil.net
Quero Vencer
Congresso Digital

Luz p’ra nós!

Compartilhe a Verdade:


5 1 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

Gustavo Borba

Entre com:




Subscribe
Notify of
16 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
31/07/2020 11:38 pm

piah …kk rachei de rir com as girias regionais. Aqui em Curitiba, pia vem dos indígenas nativos e quer dizer coração hahah e agt se chama asm aqui msm, … e cachorro quente tem ter msm duas vidas kk. Top!! Luz p’ra Nós 🍎

José
01/08/2020 7:14 am

Luz pra nós

Ana Paula
01/08/2020 8:26 am

Tem gírias ai que eu nem sabia da existência kkk muito bom. Luz p’ra nós

Luiz Cláudio
01/08/2020 8:54 am

Luz p’ra nós!

Gustavo Kraemer
Editor
01/08/2020 11:26 am

kakaka
Luz pra nós!

Ronaldo Vieira
01/08/2020 3:10 pm

daora irmão kkk paulista tem varias girias também, mas nem percebemos
Luz pra nós!!

Dri
Dri
01/08/2020 3:18 pm

Não conhecia algumas rs
Compartilhando. Luz pra nós!

Romário Vieira
01/08/2020 3:24 pm

Show, Aqui em SP tem “pode pá, suave, pode crê, tá ligado, mano, demorô…

MariaFe
01/08/2020 4:51 pm

Que dahora rsrs eu não conhecia pelo menos metade. Gratidão pelo post! Luz p’ra nós!

Edson Junior (Junior)
01/08/2020 5:13 pm

Massa piá kkkkkk
Luz pra nós!!!

Márcio Henrique
01/08/2020 9:41 pm

Muito bom o post kkkkkk. Aqui na minha região é comum as gírias “Armaria” e “Trem”. “Armaria” é a abreviação de Ave Maria.

Jonathan Muniz
02/08/2020 1:20 pm

Luz p’ra nós!

Michelly
Admin
02/08/2020 8:25 pm

Luz p’ra nós!

Daniel Lucas
03/08/2020 3:42 pm

Variedade linguistica, aqui na ”quebrada” tem de monte kk. Luz p’ra nós!

Camila Ribeiro
05/08/2020 2:50 pm

Luz pra nós!

Admin bar avatar
05/08/2020 2:56 pm

Bem lega. Aqui no Pará tem muitas gíria diferente ! Tleu teria que fazer um posto só dele pra explicar tudo kk. Luz pra nós ✨

Next Post

Números, cores, emoções e formas (Vegetarianismo)

sex jul 31 , 2020
Compartilhe a Verdade!Compartilhe a Verdade: Continuando aqui a série de recorte das partes importantes das lives do Mestre Bob. Lembrando que o trabalho da edição é feito pelo mestre Rogério Souza. Um dos temas de hoje é um tanto quanto delicado, mas com relação ao veganismo tenho exemplo próximo, minha […]

Siga-nos os bons

Ative o Sininho

Clique Aqui

Quem está online

hebert silva
Jefter Eduardo

Você:

Teus Téritos bônus

0 Téritos
error

Seja caminho para a Verdade

16
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas