As abelhas inventaram múmias muito antes dos egípcios

5
Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


Abelhas e Mumificação

Ocasionalmente, um rato pode entrar na colméia e, muitas vezes e felizmente, ser morto em tiros de ferrão. No entanto, as abelhas não podem transportar o rato para o lado de fora, tanto por seu tamanho e peso.
Para evitar fenômenos de decomposição perigosos na colméia, as abelhas cobrem com o própolis.

O PRÓPOLIS

PRÓPOLIS: do grego = pró = posição em frente, anterior, antecipado, a favor de; polis, de poli = cidade.
Portanto, própolis pode ser definida como “defesa da cidade”.

Contudo, própolis se trata de uma série de substâncias resinosas e balsâmicas produzidas pelas abelhas para fechar a colméia e protegê-la do frio e chuva, da invasão de insetos e roedores.

As substâncias do própolis são produzidas com matéria-prima retirada de plantas, principalmente de flores e de cascas de determinadas árvores. A própolis é uma resina aromática que se parece com cimento: uma substância muito dura e que da liga.

A própolis é muito utilizada como medicamento popular no tratamento de várias enfermidades. Sua principal função é de fortalecimento do sistema imunológico, atuando na prevenção — e, em alguns casos, na cura — de diversas doenças. Sendo um poderoso antibiótico, esse produto preserva esse corpo e o transforma em múmia.
Esse fenômeno havia sido observado pelos antigos egípcios e, portanto, copiado para transformar seus faraós em múmias.

A própolis foi descoberto em todas as múmias do antigo Egito

Durante muito tempo foi um mistério a receita dos bálsamos usados pelos antigos egípcios para produzir suas múmias.

Anteriormente, cientistas assumiram incorretamente que a Múmia S. 293 tinha sido mumificada naturalmente pelas condições quentes e secas do deserto, um processo conhecido como dessecação.

Uma dupla de químicos da Universidade de Bristol, Reino Unido, revela na edição de hoje da “Nature” que os líquidos aplicados tinham uma variedade de ingredientes maior do que se suspeitava e muitos eram feitos à base de cera de abelhas. Usando técnicas de espectrometria de massa (que detecta a “assinatura química” dos compostos), eles analisaram 13 múmias que datam de 1900 a.C. até o período romano. Descobriram que, com o tempo, a cera de abelha se tornava um ingrediente cada vez mais importante dos bálsamos. “A escolha aponta para o fato de que os embalsamadores conheciam suas propriedades antimicrobianas”.

Grande dádiva aos muitos detalhes da teia da vida,  tudo o que gera e foi gerado, nos cerca e foi inventado, acesso ao obreiro, a obra e a matéria prima.

 

Portais
Não esqueça de dar aquela força no merch! Aho.

escoladelucifer.com.br
unebrasil.org
unebrasil.com.br
unebrasil/livrolucifer
querovencer.unebrasil.com.br
congressodigital.unebrasil.com.br

 

 

 

 

Luz P’ra Nós

Compartilhe a Verdade:


0 0 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

Carol M.

Entre com:




Subscribe
Notify of
5 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Michelly
Admin
12/02/2020 7:54 pm

Muito interessante, gratidão por compartilhar

Deca Hoffmann
12/02/2020 9:57 pm

Amei essa matéria! Própolis e excepcional pra saúde!
Luz pr’a nós 🙏

Douglas Ceron
Editor
12/02/2020 10:41 pm

FASCINANTE!!!
Gratidão!
Luz pra nós!

yasluna
13/02/2020 12:31 am

Que legal irmã, gratidao! Luz pra nós!!

Daniela Cristina
10/04/2020 7:12 am

Nossa que demais! Amei a publicação! Grata pela partilha <3

Next Post

Netflix, Amazon Prime, HBO dentre outros, se recusam passar o Filme 'Gaza'

qua fev 12 , 2020
Compartilhe a Verdade!Compartilhe a Verdade:‘Gaza’ é um documentário profundamente poderoso e comovente sobre a vida cotidiana de palestinos comuns presos nesta minúscula faixa de terra Netflix, Amazon Prime, HBO dentre outros, se recusam passar o Filme ‘Gaza’ “Há pessoas vivendo com tanta miséria [em Gaza] que nem percebem a extensão […]

Siga-nos os bons

Ative o Sininho

Clique Aqui

Quem está online

Victor Hugo B. de Melo

Você:

Teus Téritos bônus

0 Téritos
error

Seja caminho para a Verdade

5
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas