sáb. abr 17th, 2021

Banda do Reino Unido boicota o evento Eurovision a ser realizado em Israel

Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


A banda britânica “The Tuts” se recusou a entrar no Eurovision Song Contest devido a sua realização em Israel este ano.

Confirmando sua decisão no Twitter, a banda de três garotas The Tuts provocou uma reação dos apoiadores de Israel.

Alguns até tentaram sugerir que a escolha do grupo era evidência de anti-semitismo, embora o movimento Boicote, Desinvestimento e Sanções (BDS) contra Israel tenha declarado claramente que sua campanha protesta a ocupação militar da Palestina.

Mas a banda também foi elogiada por estar ciente dos abusos dos direitos humanos cometidos por Israel e consciente do impacto que sua participação teria na normalização da ocupação.

https://twitter.com/TheTutsBand/status/1088465070714167296
Alguns instaram outros países, incluindo a Irlanda, que tem sido um defensor vocal da BDS, a boicotar o evento.
https://twitter.com/TheTutsBand/status/1088465070714167296

Grupos culturais e jornalistas palestinos têm defendido um boicote ao concurso Eurovision deste ano desde que foi anunciado que Israel sediará o evento anual transnacional.

“A Eurovision teria realizado a disputa no apartheid da África do Sul”, Afirmou uma declaração assinada pelo Sindicato dos Jornalistas Palestinos e por uma rede de organizações culturais palestinas no ano passado.

Em setembro, a União Européia de Radiodifusão (EBU, na sigla em inglês) anunciou que o concurso será realizado em Tel Aviv e não em Jerusalém, após críticas mundiais e medo de boicotes.

Uma campanha na Irlanda que pede aos compositores que boicotem o Eurovision 2019 também ganhou o apoio de mais de 60 figuras pública , com a participação no evento considerada uma traição ao povo palestino.

Israel, com o apoio dos EUA, há muito tempo acusa os que apoiam o BDS de serem anti-semitas e tem pressionado governos e organizações estrangeiras para que se oponham ao movimento. Em 2017, Tel Aviv ameaçou tomar uma ação contra a Anistia Internacional depois de lançar uma nova  campanha  pedindo a proibição de produtos feitos em assentamentos. Israel também passou a publicar uma  lista negra  , listando 22 ONGs da Europa, Estados Unidos, América do Sul e África, cujos funcionários ou membros são proibidos de entrar em Israel devido ao suposto apoio à campanha do BDS.

Mostrar a verdade e clamar por justiça é motivo para ser colocado em lista negra atualmente neste maldito mundo judaico.

Ta pesado demais carregar a verdade rodeado de zumbis ingratos nesta farsa teatral.

Luz pra nós! Que Deus no ampare e continue nos dando forças nesta jornada.

Compartilhe a Verdade:


0 0 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

Entre com:





Subscribe
Notify of
5 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Leandro Quantum Oliveira.
Admin
29/01/2019 8:07 am

“Mostrar a verdade e clamar por justiça é motivo para ser colocado em lista negra atualmente neste maldito mundo judaico.

Ta pesado demais carregar a verdade rodeado de zumbis ingratos nesta farsa teatral.”
Que Deus nos fortaleça nessa frente
Luz p’ra nós!

Leandro Quantum Oliveira.
Admin
29/01/2019 8:05 am

Luz p’ra nós!

Arlete Lima
29/01/2019 11:01 am

Que Deus nos ampare, luz pra nós!

Freit EDL
30/01/2019 8:42 am

Nada de entretenimento para esses ratos!

Admin bar avatar
22/07/2019 6:11 am

Atitude louvável, Luz pra nós!

error

Seja caminho para a Verdade

5
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas