qua. abr 14th, 2021

José Ricardo Dos Santos

Em verdade vós digo.
Em nome daquilo que é vivo.
Do pai, a mãe, ao filho.
O sagrado ciclo.
Crístico e criativo, sentido para o reinício.
No topo das montanhas ruge a mais forte invocação.
Maldita podridão, que acordou o santo Dragão.
Do seu sono e solidão
Do seu estado de contemplação, admirando a criação.
Pois seu rezo é a União.
E seu fogo é a justiça.
Que segue eternamente viva.
Suas asas, são sua honra.
Pois por si só já é a Vitória.
E são elas que o movimenta para o céus.
Pois parado não há glória.
Ele aparenta ser um monstro
Mas em seu coração, está seu ouro.
Seu amor é um pote de tesouro.
Pois o Pai é misericordioso.
E isso não é uma fraqueza.
Seu sangue é da cor violeta.
Seu reinado é a certeza.
De que Deus é a Luz suprema

-Metamorfose viva.

error

Seja caminho para a Verdade

Pular para a barra de ferramentas