Nação de visionários: indígenas criam um Governo autônomo na Amazônia peruana

wanpi 1024x595 - Nação de visionários: indígenas criam um Governo autônomo na Amazônia peruana

Compartilhe a Verdade:


Cerca de 20.000 pessoas vivem em um território equivalente a oito vezes o município de São Paulo. São os wampis. Aqui não há estradas, e os dois principais cursos de água – os rios Santiago e Morona, também chamados de Kanus e Kankin em sua língua materna – são a única via de acesso para o comércio e o contato com o mundo exterior. Lima, a capital do Peru, fica no outro lado dos Andes, a 1.500 quilômetros, na desértica costa do Pacífico. As famílias wampis são muito individualistas e costumavam viver dispersas na selva. Só depois da chegada dos missionários e das escolas, na década de 1960, eles se mudaram e formaram comunidades ao redor das instalações educacionais.

wampi1 - Nação de visionários: indígenas criam um Governo autônomo na Amazônia peruana

Enquanto em novembro de 2015 os líderes mundiais se preparavam para participar da Cúpula do Clima de Paris (COP21), numa aldeia do rio Santiago chamada Soledad (“solidão”), em pleno território wampi, era tomada uma decisão histórica, mas que passou despercebida para os principais meios de comunicação. Os representantes de mais de 200 comunidades indígenas dessa etnia anunciavam a criação do Governo Territorial Autônomo da Nação Wampis, o primeiro desse tipo em toda a Amazônia, com sua própria Constituição, seu Parlamento e seus órgãos executivos. “Continuaremos sendo cidadãos peruanos”, afirma Andrés Noningo, de 62 anos, e um dos seus visionários líderes, “mas agora temos nosso próprio Governo responsável por nosso território. Isto nos permite nos proteger das empresas e dos políticos que não são capazes de ver senão ouro e petróleo em nossos rios e nossas matas”. Para isso, se baseiam no convênio ILO 169 da Organização Internacional do Trabalho e na Declaração das Nações Unidas sobre Direitos de Povos Indígenas, de 2007, ambos ratificados pelo Peru. Entretanto, o Executivo nacional ainda não se pronunciou sobre a situação.wampi2 - Nação de visionários: indígenas criam um Governo autônomo na Amazônia peruana

“Quando o Governo peruano fala de desenvolvimento”, continua, “refere-se à exploração de nossos recursos: ouro, petróleo, madeira… Isso ameaça nossos meios de vida. Por isso criamos nosso Governo autônomo; para garantir que as futuras gerações vivam bem”. A terra wampis declarada “território integral” inclui o subsolo (morada de Nunkui, a mãe-terra) e o céu (Nayaim), que acreditam ser o lar dos espíritos dos ancestrais.

Para eles, as matas e as montanhas são sagradas, e escondem igarapés onde os aspirantes a guerreiros visionários procuram orientação durante o ritual da ayahuasca.

ayahuasca - Nação de visionários: indígenas criam um Governo autônomo na Amazônia peruana

Hoje em dia, os jovens estão confusos e desorientados entre o modelo de sociedade de consumo que aprendem no colégio e os valores tradicionais que lhes ensinam seus pais, afirma Kefren Graña, um ex-professor de 45 anos e ministro da Educação da nação wampis.

As visões são fundamentais para a cultura wampis. Assim as descreve Andrés Noningo: “Nossos ancestrais perceberam que os animais falavam e que até a terra se movia, e se perguntaram de onde vinham esses animais, qual era a origem do ar que respiramos, quem cuidava das árvores, qual é a origem da vida. Para buscar o conhecimento, nossos visionários passavam até três meses na selva. Eles nos ensinaram que os animais e as árvores são gente como nós, e que têm guardiães que os protegem. Por isso, nossos antepassados puderam nos ensinar onde vivem os animais, onde se reproduzem, quais terras são férteis e quais são improdutivas, onde cultivar e como caçar de forma respeitosa utilizando nossos anent, os cantos sagrados que garantem que tratamos todos os seres vivos com dignidade”.

ayahuasca2 - Nação de visionários: indígenas criam um Governo autônomo na Amazônia peruana

Depois de mais de 50 reuniões das comunidades e de 15 assembleias gerais, em 29 de novembro de 2015 nasceu nesta aldeia remota o Governo Indígena Autônomo da Nação Wampis. Sua criação foi anunciada ao mundo através do primeiro e-mail enviado de Soledad.

wampi - Nação de visionários: indígenas criam um Governo autônomo na Amazônia peruana

Os guerreiros visionários da atualidade se transformaram em estadistas e abriram um novo precedente no Amazonas ao criar um Governo indígena autônomo. “Enquanto o Peru e outros países discutiam meios de proteger as florestas tropicais na Conferência do Clima de Paris”, diz Wrays Pérez, de 55 anos, presidente eleito da Nação Wampis, “nós demos um passo concreto para contribuir para esse objetivo mundial”.

 

3
Deixe um comentário

Please Login to comment

Entre com:




3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors
Leandro de Oliveira JerônimoDouglas MendesAdmin bar avatar Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Admin bar avatar
Editor

Um grande exemplo p nós!
Logo a EDL vai cumpri esse papel em todo Brasil!

Douglas Mendes
Membro
Douglas Mendes

o reino luciferiano plasmando nos indígenas

Leandro de Oliveira Jerônimo
Membro
Leandro de Oliveira Jerônimo

Como sempre, uma excelente matéria.
luz p´ra nós!