sáb. abr 17th, 2021

Tribo Sa e o salto no vazio

Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


Para os homens da tribo Sa, da parte sul da Ilha de Pentecostes, no Arquipélago de Vanuatu, no Oceano Pacífico, um mergulho no vazio em direção a terra é um milenar ritual de masculinidade e um rito de passagem para meninos acima de sete anos de idade.

Durante este ritual, chamado Naghol ou N’gol, que significa ‘salto no vazio‘ que ocorre todos os sábados entre abril e junho, homens e meninos saltam de torres improvisadas de madeira com cerca de 20 a 30 metros de altura, com um tipo de cipó enrolado nos tornozelos, chegando a atingir uma velocidade de cerca de 72 quilômetros por hora, um costume que inspirou a criação do bungee jumping. De acordo com o Guinness Book, o livro de recordes, a força G experimentada pelo mergulhador em seu ponto mais baixo do salto, é a maior do mundo, experimentada por seres humanos não industrializados.

Sem qualquer tipo de equipamento de segurança ou cálculo mais apurado, os saltadores menos experientes começam nas plataformas inferiores e o ritual termina com homens mais experientes saltando das plataformas mais altas – um mergulhador morreu em 1974, durante a visita da Rainha Elizabeth IIª ao país. Já os meninos, a altura do salto varia bastante, aos sete anos é de alguns metros, e vai aumentando conforme a idade, treinando assim as crianças desde cedo.

Os saltos são realizados nessa época do ano, pois os cipós se tornam mais elásticos, devido ao clima e ao tratamento recebido. Cada mergulhador constrói sua própria plataforma, sob a supervisão de um chefe local e confecciona seu próprio cipó, para que ninguém possa ser culpado se morrer. As torres de madeira levam até sete semanas para serem concluídas e são construídas em colinas íngremes e, de acordo com a tradição, apenas o ombro (o solo é molhado na noite anterior para torna-lo o mais suave possível e assim amortecer melhor o choque) do mergulhador deve tocar o solo, pois acredita-se que isso fecundará a cultura de inhame.

Os participantes passam a noite debaixo da torre para afastar os maus espíritos e são recebidos na manhã seguinte com cantos e danças. Antes do salto, a pessoa faz uma prece, limpando sua alma, de modo que se ele morrer, estará limpo dos pecados que cometeu em vida.

Um bom mergulho não só demonstra a masculinidade e a coragem do mergulhador, mas também garante uma colheita de inhame abundante para o ano, e remove as doenças associadas com a estação chuvosa. Uma história local diz que a tradição começou quando uma mulher fugiu de seu marido violento e se refugiou em uma árvore alta. O marido, Tamalie ordenou-lhe que descesse. Ela se recusou, foi então que ele subiu a árvore atrás dela e aos gritos, ela dizia que ele era um covarde e quando ele alcançou o topo, ela pulou.

Tomado por uma raiva insana, Tamalie pulou atrás dela e morreu ao chegar ao solo. Ela sobreviveu, pois havia amarrado seus calcanhares com um cipó de videira, enquanto ele saltou no vazio para a morte. Até hoje, os homens saltam da torre como uma demonstração de força para as mulheres da aldeia e como uma declaração de que eles não poderão ser enganados novamente. Mesmo que a história diga que foi uma mulher que fez o primeiro salto, só os homens são autorizados a saltar.

 

Portais
 Fortaleça no merch!

escoladelucifer.com.br
unebrasil.org
unebrasil.com.br
unebrasil/livrolucifer
querovencer.unebrasil.com.br
congressoonline.org/

Luz p’ra nós!

 

 

 

 

 

Compartilhe a Verdade:


5 1 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

Entre com:





Subscribe
Notify of
17 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Rômulo Matheus Lins
07/03/2021 6:10 pm

Luz p’ra nós!!

Lucas Schwarzbold
Editor
07/03/2021 6:36 pm

Uau, que insano! Várias conexões luciferianas.
Luz pra nós 🙏🏾

Gustavo Borba
07/03/2021 7:44 pm

Luz p’ra nós!

Silvia Cristina Rodrigues
07/03/2021 8:43 pm

Que barato, aventureiros eles!! Luz p’ra nós…

07/03/2021 10:27 pm

Mano… Fiquei de cara com o q rola nessa tribo… insana essa cultura. Os homens passam a vida arriscando a vida nessa ritual q vai ficando mais mortal com o passar dos anos. Slc hahahhah. Matéria top irmã 🙏🏻 gratidão ✨Luz p’ra nós 🍎

Dudu de Souza
Editor
07/03/2021 11:59 pm

Nossa que foda, interessante começarem saltar com 7 anos, e o que simboliza os saltos… Grato pela matéria

Dudu de Souza
Editor
07/03/2021 11:59 pm

Luz p’ra nós

Matheus Rocha
08/03/2021 6:33 am

Top em

Luz pra nós!

Hitler
08/03/2021 11:03 am

Luz p’ra nós!

Romário Vieira
08/03/2021 12:54 pm

Luz p’ra nós!

Arlete Lima
08/03/2021 2:39 pm

A mulher inventou o bagulho e depois não pode saltar rsrs! Top de post, Luz pra nós!

Eduardo Donald
08/03/2021 9:22 pm

Lpn!

José Ricardo Dos Santos
08/03/2021 10:15 pm

Intrigante, Luz p’ra nós

Diego Costa
08/03/2021 10:23 pm

Já tinha ouvido falar desta tradição, cada cultura tem sua peculiaridade, pessoalmente acho incríveis tais saltos, uma coragem formidável

khetelin oliveira
09/03/2021 6:16 pm

Luz p’ra nós!

Bruno Davi Moquiute
11/03/2021 6:31 pm

Luz para nós!!

Maísa Sousa
17/03/2021 8:39 pm

Luz p’ra nós!

error

Seja caminho para a Verdade

17
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas