sex. maio 7th, 2021

Universidade de Oxford considera retirar compositores clássicos por serem “muito coloniais”

Compartilhe a Verdade!

Compartilhe a Verdade:


Impulsionados por movimentos identitários como “Black Lives Matter”, professores devem reformular seus cursos para evitar repertórios que incluam compositores brancos.

Eles disseram que querem abordar a “hegemonia branca” no currículo de música de Oxford e representar melhor outras formas de música.
Possíveis mudanças nos cursos de graduação incluem a redução do foco em compositores clássicos canônicos como Mozart, Beethoven e Bach, em uma proposta de afastamento da “música branca europeia do período escravo”.

O professor, na esperança de expandir sua cobertura de gêneros não eurocêntricos para além do hip-hop e do jazz, propôs reformular os “tópicos especiais” como “Introdução aos Estudos Socioculturais e Históricos”.

Um porta-voz disse à Classic FM: “Ao mesmo tempo em que retém (e de forma alguma diminui) nossa excelência tradicional na análise crítica, história e desempenho de uma ampla gama de música artística ocidental, estamos explorando maneiras de aumentar as oportunidades de nossos alunos de estudar um contexto mais amplo variedade de música não ocidental e popular de todo o mundo do que a oferecida atualmente, bem como composição musical, psicologia e sociologia da música, educação musical, regência e muito mais. ”

As habilidades musicais clássicas como tocar piano ou reger orquestras não deveriam mais ser obrigatórias, pois “favorecem estruturalmente a música branca” e, portanto, “causam grande sofrimento aos alunos negros”.

Os professores da faculdade reclamam que “a estrutura do currículo promove a supremacia branca”, que o corpo docente é “quase puramente branco”, e por isso “privilegia a música branca”.

O sistema de notação musical (escrita musical com pentagrama, claves, semibreves etc.) deve ser reformado, dizem eles, porque faz parte do “sistema colonialista de representação”.
A notação musical que não “sacudiu as suas ligações com o passado colonial” é uma “bofetada na cara” para alguns estudantes de música.

O desenvolvimento da música clássica ocidental e sua notação são anteriores ao estabelecimento do comércio de escravos africanos, pois têm suas raízes na música medieval, como o canto gregoriano e a polifonia. Figuras importantes no desenvolvimento da música clássica, incluindo JS Bach, Wolfgang Amadeus Mozart, Ludwig van Beethoven surgiram nos séculos XVII e XVIII.

Alguns outros professores reagiram negativamente às propostas, argumentando ser um absurdo achar que compositores clássicos criaram suas obras preocupados com a cor da pele.

“Infelizmente, não é mais a qualidade da obra ou o talento que importam.
É a cor da pele. É a aparência. É a ideologia de grupos. Não poderei mais exaltar a obra de um “branco” sem o risco de ser considerado racista por isso.
O conhecimento não tem cor. Ele é universal. E se favorece a humanidade, ele é sempre bem vindo. Não importa a cor do canal que o trouxe ao mundo.”

 

 

Portais
 Fortaleça no merch.
escoladelucifer.com.br
unebrasil.org
unebrasil.com.br
unebrasil/livrolucifer
querovencer.unebrasil.com.br
congressodigital.unebrasil.com.br

Luz p’ra Nós

Compartilhe a Verdade:


5 1 vote
Article Rating

Compartilhe a Verdade!

Entre com:





Subscribe
Notify of
15 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments
Shirley Oliveira
24/04/2021 1:50 pm

Que viagem! muita falta do que fazer isso.
Se preocupar coma a fome, não vão.
Luz p´ra nós.

Dudu de Souza
Editor
24/04/2021 1:50 pm

Luz p’ra nós mestra

Leonardo Moreira
24/04/2021 2:53 pm

Gratidão.
Luz P’ra Nós!

José Ricardo Dos Santos
24/04/2021 3:28 pm

Luz p’ra nós.

Silvia Cristina Rodrigues
24/04/2021 3:32 pm

É cada uma…
Luz p’ra nós

Guilherme Monquero
24/04/2021 4:01 pm

Chegamos no momento que cancelar os vivos não é o bastante 🤣
Luz p’ra nós!

Maria Fernanda
24/04/2021 4:37 pm

“É a ideologia de grupos.” Fato! Por um lado existem sim pessoas preocupadas com o racismo, por outro há apenas grupos ideológicos criando uma mentalidade escrota demais… obg pelo post! Luz p’ra nós!

Matheus Reis Carmesini
Editor
24/04/2021 6:47 pm

luz pra nós!

Romário Vieira
24/04/2021 8:07 pm

Luz p’ra nós!

Maísa Sousa
24/04/2021 10:52 pm

O pessoal almoça e janta racismo, pelo amor de deus que falta do que fazer.
Luz P’ra Nós

Matheuzin
25/04/2021 2:23 am

Luz p’ra nós!

Lucas Schwarzbold
Editor
25/04/2021 12:38 pm

Tentando ajudar tão passando vergonha.
Luz pra nós!

Bruno Davi Moquiute
26/04/2021 12:22 am

Luz para nós!!

Sávio
28/04/2021 3:56 pm

esses caras acho que não tem oque fazer rs pra ficar querendo mudar as coisas assim

Daniela Cristina
Editor
03/05/2021 9:34 am

Mano que doidera. Se encaixa total no que o Mestre pontua sobre os negros… o pessoal só da força p’ra desunião dessa maneira -.-

error

Seja caminho para a Verdade

15
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Pular para a barra de ferramentas